JARDINS VERTICAIS: A NOVA TENDÊNCIA NAS METRÓPOLES

12.12
Categorias:

Você sabe o que é um jardim vertical? Se você mora em algum grande centro urbano, como São Paulo ou Rio de Janeiro, por exemplo, é altamente provável que você já tenha cruzado com um jardim desse tipo em sua cidade, ainda que não soubesse o nome do mesmo na ocasião, já que os mesmos estão cada vez mais em voga nesses ambientes. Por conta disso, preparamos um breve texto explicativo a respeito do que são os jardins verticais e o que faz com que eles estejam cada vez mais presentes nas grandes cidades do país.

O que é um jardim vertical?

Dá-se o nome de jardim vertical a um tipo de estrutura de plantas que é capaz de agarrar uma determina estrutura vertical, como um muro ou a lateral de um prédio, por exemplo, e cobri-la com o tempo. Trata-se de um tipo de jardim que é capaz de aderir até mesmo em estruturas que possuam ângulo de 90º em relação ao solo.

Quais as vantagens desse tipo de jardim?

  • CONTROLE TÉRMICO: um dos maiores receios dos cientistas e dos especialistas ambientais é o de que estejamos caminhando rumo a um futuro no qual a temperatura será consideravelmente mais elevada, por conta do desmatamento – caso você não saiba, as plantas tem capacidade de deixar um local mais fresco, sendo que quanto menos plantas houver em uma determinada área, maior será o calor. Nos grandes centros urbanos, é muito comum que sejam derrubadas grandes quantidades de árvore para que sejam construídos edifícios. Nesse contexto, a instalação de um jardim vertical é uma ótima coisa, já que a mesma garante que um prédio e um jardim sejam capazes de ocupar o mesmo espaço, o que ajuda no conforto térmico tanto do edifício onde estão instalados como de seu entorno;
  • MELHORA NA QUALIDADE DO AR: certamente você já ouviu que a Amazônia é o pulmão do mundo, certo? Caso você nunca tenha parado para pensar nisso, essa frase é dita porque as plantas ajudam a melhorar a qualidade do ar ao seu redor. Em uma grande cidade, como São Paulo, por exemplo, isso é excelente para mitigar os efeitos da poluição;
  • BARREIRA ACÚSTICA: um jardim vertical é uma excelente forma de criar uma barreira acústica natural, já que o mesmo é capaz de absorver parte do som. Um local que empregou os jardins verticais para abafar parte dos sons emitidos pelos carros foi São Paulo, que instalou os mesmos nos edifícios próximos do Elevado Costa e Silva, o Minhocão; há anos os moradores do local brigavam com a prefeitura para que houvesse um melhor controle do tráfego na região por conta do barulho, que era infernal na região.
  • BELEZA: além dos objetivos práticos mencionados acima, os jardins verticais são uma ótima forma de embelezar um local e garantir que o mesmo fique com um aspecto mais agradável. Sem dúvida, existem tantos tipos diferentes de plantas que podem ser utilizado para essa finalidade que é possível criar uma verdadeira obra de arte viva com os jardins verticais – é muito mais agradável ver um belo jardim na lateral de um prédio do que uma parede cinza, concorda?

Como esses jardins são feitos?

A criação de um jardim vertical é razoavelmente simples. Basta instalar na parede algumas placas modulares vazadas e na sequência colocar as espécies vegetais no local desejado. Se você quiser maior conforto e praticidade, vale a pena investir em um sistema de irrigação automático.

São Paulo & os jardins verticais

Desde que João Dória entrou na prefeitura de São Paulo, no começo de 2017, o número de jardins verticais em São Paulo aumentou consideravelmente. Um dos maiores marcos de sua gestão foi a instalação de jardins nas laterais da Avenida 23 de Maio, uma obra que deu origem ao maior jardim vertical a céu aberto do mundo. Além disso, nos edifícios próximos do Viaduto Costa e Silva foram instalados jardins na lateral, para ajudar a combater os efeitos da poluição e o impacto sonoro dos veículos.

Se animou para ter um jardim vertical? A Prismatic ajuda você!

Se você quiser fazer um jardim vertical em sua casa, não deixe de entrar em contato com a Prismatic e ver de que forma ela pode lhe ajudar. Por lá você encontrará elementos como telhas de vidro e cobogó, que podem ser muito úteis na hora de criar um jardim vertical ou mesmo um jardim de inverno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *