ARQUITETURA MODERNA E SEU USO DO VIDRO

27.04

Louis Kahn, um renomado arquiteto estoniano do século XX, disse, certa vez, que nem mesmo o sol conhecia seu verdadeiro potencial até ver sua luz refletindo na fachada de uma edificação.

Apesar de abstrata e até um pouco presunçosa, tal afirmação é relevante a medida que exemplifica bem a forma como a arquitetura moderna enxerga o vidro e a luz.

Esse, contudo, nem sempre foi o caso.

Até meados de 1920, era simplesmente impensável utilizar vidro na construção de grandes edificações; o padrão era alvenaria, concreto e ferro.

Sem dúvida, por mais que houvesse alguns registros de arquitetos ousados, como o de Joseph Paxton, que criou um gigantesco castelo de vidro em 1851, a maior parte do mercado via o vidro com maus olhos; eles acreditavam que esse não era um material que seria capaz de ser utilizado com sucesso na construção de grandes edificações.

Essa mentalidade começou a mudar apenas por força de Arthur Korn e Frank LoydWright, que em 1929 e 1930 (respectivamente) começaram advogar a favor do vidro.

A concretização dessa nova mentalidade, contudo, viria apenas 20 anos depois.

PRIMEIRAS EDIFICAÇÕES A UTILIZAR O VIDRO

O prédio das Nações Unidas e a Lever House, em Nova Iorque, foram as primeiras edificações a usar vidro extensivamente em sua estrutura, no ano de 1952.

Na sequência, em 1958, veio o edifício Seagram, também em Nova Iorque.

A partir disso, a moda pegou; o vidro ganhou espaço nesse mercado e começou a ser utilizado com cada vez mais frequência nas edificações que seriam erguidas.

VIDRO NOS DIAS ATUAIS

Hoje, entramos em uma nova era do vidro; as estruturas, como os blocos e telhas, por exemplo, estão cada vez mais modernas, oferecendo maior qualidade, durabilidade e até mesmo maior nível de transparência.

Justamente por isso, são cada vez mais usadas na construção civil.

O vidro, aliás, é a expressão definitiva de um movimento que começou há décadas atrás; trazer o exterior para o interior de forma orgânica – o objetivo aqui é criar espaços estimulantes, nos quais possamos nos sentir bem e desempenhar nossas tarefas.

Uma aplicação pratica disso é a instalação de blocos e telhas de vidro; quando se coloca esse tipo de estrutura no local, há uma maior incidência de luz natural; com isso, sentimos o contato do ambiente externo mesmo quando estamos “trancados” dentro de casa ou de um escritório, o que nos ajuda em nossa motivação.

PRISMATIC: ESPECIALISTA EM VIDRO

A Prismatic é uma empresa que iniciou suas operações há mais de 50 anos.

Sendo assim, vivenciamos de perto a evolução desse material no mercado.

Para aqueles que precisam de alguma solução em vidro, portanto, o melhor que se pode fazer é entrar em contato conosco e descobrir nossa ampla gama de produtos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *